emprego ou negócio o que é melhor

Emprego ou negócio? O que é melhor para mim?

Quase todas as pessoas já se questionaram se deviam de ter o seu próprio negócio ou procurar/manter o seu emprego. Alguns chegaram à conclusão de que ser empregado de alguém tem vantagens. Outros pensam que ter o seu próprio negócio é mais vantajoso: são os seus próprios patrões, podem colocar em prática os seus ideais, e dependendo de si mesmo podem atingir resultados bastantes satisfatórios.

Encontrar um bom emprego pode ser, nos dias que correm, um enorme desafio. Mas e se a sua ocupação pudesse ser o seu próprio negócio? O empreendedorismo está na moda, e nunca houve um ambiente tão favorável às boas ideias e aos jovens aventureiros como atualmente.

O Empreendedorismo é a resposta para a falta de emprego?

Ser-se empreendedor está na moda. É um facto indesmentível e traz consigo a virtude de criar na sociedade, nos seus agentes económicos e empresariais, e nas pessoas de uma maneira geral, uma maior tendência para a criação de negócios. No entanto, pode ter um lado mau: a banalização do que é empreender, e criar nos jovens uma certa ideia de facilitismo.
A opinião dos especialistas e indivíduos experientes

João Rafael Koehler é Presidente da Associação Nacional de Jovens Empresários (ANJE) e diz “preferir” a moda do empreendedorismo “à aversão ao risco, à falta de iniciativa ou aos preconceitos em relação à atividade empresarial”. Contudo, é o próprio responsável máximo da ANJE a alertar para o perigo de abordar o empreendedorismo como “um impulso interior capaz de vencer qualquer adversidade e assim atingir facilmente o êxito empresarial”. O empreendedorismo não é uma via implacável para o sucesso. Para vencer nos negócios, segundo este especialista, “não basta ter força de vontade, determinação, perseverança, entre outros traços de personalidade habitualmente associados ao empreendedorismo”.

Emprego ou negócio

Feito o aviso, uma coisa é certa: ao concretizar a sua ideia de negócio, estará a colaborar para mudar o tecido empresarial, para a produção de riqueza, para o crescimento do investimento, para o incentivo da competitividade e para a criação de postos de trabalho. E tudo isto tem importância acrescida no período de recuperação económica e de contração do mercado de emprego que Portugal está a atravessar.

Para João Koehler, há hoje em Portugal “uma vaga de empreendedores altamente qualificados, que criam negócios perfeitamente conscientes quer dos riscos que correm, quer das oportunidades que se abrem com as suas startups. E é esta vaga que devemos relevar, valorizar e apoiar”.

Opinião semelhante tem Nuno Machado, estudante universitário e Diretor-Geral de uma aceleradora de startups, ao defender que “o ecossistema empreendedor tem demonstrado que há apoios disponíveis, que há quem queira apoiar, e acima de tudo, que é possível. O que mais contribuiu foi mesmo esta mudança de atitude, e enquanto um empreendedor acreditar e fizer tudo pelos seus objetivos, mais perto está de os atingir”.

Audácia, perseverança, humildade, atitude de risco, inconformismo. Todos estes traços de personalidade são fundamentais para se ser um bom empreendedor… mas não são suficientes para garantir, à partida, sucesso no seu negócio.

João Koehler defende que “o atual nível de sofisticação, globalização e competitividade” da atividade empresarial exige, para seres bem-sucedidos, que estes possuam “conhecimento especializado, inteligência, talento e capacidade de trabalho acima da média”. E vai mais longe: “Hoje, a principal competência estratégica de um empreendedor é o seu conhecimento especializado”.
Para lá da formação especializada, terá muito a ganhar com uma formação que lhe forneça competências, metodologias e estratégias que facilitem a criação de negócios.

O jovem Nuno Machado faz parte da vaga dos novos empreendedores, e garante que é algo que está “ao alcance de todos, mas não é qualquer um que consegue lá chegar. O verdadeiro empreendedor é aquele que persiste, que ultrapassa todos os obstáculos e dificuldades. É aquele que falha 10 vezes e mesmo assim contínua, sem desistir. Aquele que é audaz, confiante, e acima de tudo ambicioso”.
Esta é uma visão dada por quem viajou pelo mundo, e conviveu com centenas de empreendedores.

André Leonardo, autor do livro Faz Acontecer, que aconselhamos a ler, baseia-se na experiência para concluir que para se ter sucesso é preciso “querer muito, sair da zona de conforto, saber gerir riscos, estar disposto a passar por sacrifícios e nunca desistir”.

São mais importantes estas características do que propriamente os atributos técnicos”.
Afinal, quem tem atitude, se não sabe alguma coisa, procura saber, estuda e informa-se. O problema é quando não há atitude nem intenção.

Emprego ou negócio

Afinal, qual é a receita para criar um negócio e ter sucesso?

A verdade costuma ser cruel, e neste caso volta a confirmar-se. Não existe uma fórmula mágica para o sucesso nos negócios. Mas há dicas a reter para se começar a orientar.

André Leonardo foi um dos que se lançou à aventura de começar algo novo, e sabe bem que nem tudo é um mar de rosas. A quem está a tentar fazer acontecer, seja nos negócios, seja a trabalhar para outros, seja até num projeto pessoal, este empreendedor pede que “não desista e acredite em si. Planifique bem, fale com quem já passou pelo mesmo, estude e vá à luta com tudo. Vai dar muito trabalho mas no final, com uma pitada de sorte, tudo vai valer a pena!”

Pelo Nuno Machado têm passado muitos projetos e jovens empreendedores, e ele sabe como ninguém que existe uma parte que está sempre dependente do empreendedor: “O comprometimento com o projeto, o acreditar na ideia mesmo quando ainda ninguém acredita, e o compromisso com a excelência.”

Emprego ou negócio?

Concluindo, ter um emprego ou criar o seu próprio negócio é uma decisão somente sua. Antes de a tomar certifique-se se tem ou não as características psicológicas, referidas anteriormente, para ter sucesso no seu próprio negócio. Para mais informações visite o site bmarques.com e saiba tudo sobre uma grande oportunidade de negócio!

Veja o Vídeo sobre as diferenças entre emprego e empreendedorismo

Emprego ou negócio

 

 

Queres saber mais sobre esta Oportunidade que está a Mudar a Vida de muitas pessoas!

Preenche o Formulário que eu

entro em Contacto »»

  bruno-marques-marketing-digital

Bruno Marques

Telefone: 912 451 458

brunomarques@oportunidadeariix.com

skype256     brusof1   facebook_icon11     facebook   youtube_icon11     youtube

A suas informações estão seguras e nunca serão partilhadas ou vendidas a alguém.

 

Acerca de master

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *